18 de Dezembro de 2017
19º/35º
ENTRETENIMENTO » COLUNISTAS

Fluminense é Tetra Campeão Brasileiro no estádio "Prudentão" de Presidente Prudente

Presidente Prudente ficou mais quente neste final de semana, não somente pelo fator climático característico da cidade "prudentina" e sim por que o campeonato Brasileiro foi decidido na tarde deste domingo nesta belíssima cidade da nossa região

*Por Márcio Alexandre

Dia 11 de novembro de 2012, às 17 horas as atenções de todos os amantes do futebol estavam voltadas para cidade de Presidente Prudente (pouco mais de 100 km de Assis), para assistir Palmeiras e Fluminense.

Veja o resumo do jogo.

1º TEMPO

O Palmeiras jogou a primeira etapa com mais intensidade, no entanto, sem eficácia, tentou por três vezes, duas com Obina e uma com Barcos, mas, não causou grandes preocupações a zaga do clube carioca.

O Fluminense foi mais cadenciado, aos 38 Fred quase abriu o placar numa cabeceada que foi na trave.

No entanto aos 45, numa batida de Welington Nem, após, rebote do goleiro Bruno, o atacante Fred abre o placar e o camisa 9 assume a artilharia do campeonato, com 18 gols.

2º TEMPO

Aos 8 minutos, numa tentativa de cruzamento de Fred, Maurício Ramos, zagueiro palmeirense faz gol contra para piorar a situação da equipe paulista e aproximar o tricolor carioca do título.

Aos 16, num bate-rebate dentro da área o atacante alviverde, o atacante Barcos, diminui o placar e reascende a esperança do Palmeiras no jogo e no campeonato.

Aos 19, numa falta bem cobrada por Correia, o novato Pratick Vieira empata o jogo em 2 a 2.

Aos 43 do segundo tempo Fred é decisivo e marca o gol o título do clube carioca, após cruzamento preciso de Jean.

Com vitória, de 3 a 2 sobre o Palmeiras, o Fluminense matematicamente não poderia ser alcançado pelo segundo colocado e se tornou Tetra Campeão Brasileiro de 2012.

Já o Palmeiras entrou na "pré-UTI" e se assombra com a 2ª divisão do nacional.

A nossa região entra para história do futebol brasileiro, como palco da decisão em nível de Brasil.

Márcio Alexandre
É professor na rede pública de ensino
+ VEJA TAMBÉM